Quantas horas por dia eu devo estudar para o concurso do Banco do Brasil?

quantas horas por dia devo estudar para o concurso do Banco do Brasil

A administração do seu tempo é da maior importância no estudo para o concurso do Banco do Brasil. Aqui, aprenderemos como saber determinar a quantidade ideal de tempo gasto estudando, o que varia de aluno para aluno e de uma matéria para outra. Continue lendo para descobrir dicas úteis para melhor administrar seu tempo de estudo.

Quantas horas por dia eu devo estudar para o concurso do Banco do Brasil?

Por mais que você espere que eu indique aqui a quantidade de horas de estudo diário, não tenho como calcular isso. MAS VOCÊ TEM!! Você é a única pessoa capaz de determinar sua quantidade de horas ideal de estudo. O que faremos é dar as ferramentas para você mesmo chegar a conclusão do tempo de preparo ideal para o concurso do Banco do Brasil.  Antes de tudo, preciso lembra-lo de evitar as famosas comparações com outros concurseiros, elas não vão levá-lo a lugar nenhum. Existem caso de pessoas que estudavam 12 horas por dia e não conseguiram aprovação e no mesmo concurso alguns que estudaram efetivamente 2 horas por dia, conseguiram ser aprovados.

Mais importante que a quantidade de horas estudadas é a qualidade do tempo que você passa efetivamente concentrado e estudando. Não preciso lembrar que quando questionados sobre a quantidade de horas de estudo, a maioria dos concurseiros tende a aumentar o número.

Mas, respondendo a pergunta acima, eu diria que a quantidade de horas de estudo por dia ideal é aquela que você consegue atingir sem comprometer sua saúde mental nem seu bem estar.

Estudar demais prejudica?

Sim! Tenha em mente que, embora você deva gastar um bom tempo estudando, exagerar nos estudos é um erro que a maioria dos concurseiros de primeira viagem comete. Muitos pensam que quanto maior a quantidade de horas estudadas por dia, mais chances terão de serem aprovados, GRANDE ENGANO! Longas sessões de estudo podem deixa-lo disperso e inevitavelmente sua mente começará a divagar, mesmo sem perceber, os conteúdos não estarão sendo assimilados e todas as horas que você passou em cima dos materiais serão totalmente desperdiçadas.

Algumas pessoas conseguem estudar no máximo 4 horas por dia sem se sobrecarregar, outras muito mais, cada indivíduo tem seu próprio ritmo. O que você deve descobrir o tempo ideal que você consegue estudar sem prejudicar seu desempenho, e isso só é possível testando. Um dia tente estudar 2 horas por exemplo, no outro 3, e vá testando até ver seu limite. E como saber o limite? Quando seu corpo e mente começarem a demonstrar sinais de cansaço. Quando você perceber que, apesar das pausas e compensações durante o estudo, você não está mais conseguindo assimilar o conteúdo, sua mente está dispersa e sua cabeça divagando em outros assuntos. Não exagere no tempo de estudo, não adiante você até conseguir ser aprovado em um concurso mas estragar sua saúde física e mental.

Como administrar o seu tempo de forma eficaz?

Além de avaliar a sua capacidade de estudar sem se sobrecarregar, você precisa aprender a equilibrar sua vida pessoal com sua vida de concurseiro. Muitos concurseiros além de se dedicarem aos estudos, trabalham e precisam passar tempo com filhos, amigos e família.  Ajustar todas essas tarefas não é fácil. Se você está perto da data das provas e o edital já saiu, é possível postergar compromissos e pedir a compreensão dos amigos e familiares. Muitas vezes é possível também tirar umas férias do trabalho ou alguma licença. No entanto, existem situações que não conseguimos “nos livrar” dos compromissos e demandas dos amigos e familiares. Para essas situações, a administração do tempo é essencial e talvez as dicas a seguir possam auxiliá-lo.

Dica # 1: Faça um cronograma detalhado de estudo

Em vez de apenas determinar o tempo de estudo em sua cabeça, faça um cronograma específico e marque em seu calendário para que você possa apenas ao olhar saber suas tarefas diárias. Ficará mais fácil seguir com seu plano de estudos se ele estiver claramente marcado no seu calendário. Inclua sua programação em seu telefone celular e agenda. Com um plano de estudos definido e escrito ficará mais fácil ter uma rotina de estudos e seu desempenho tanto nos estudos quando na vida pessoal tenderá a melhorar. Lembre-se de adaptar sua programação a cada fase do concurso e mudanças em sua vida. Fizemos um artigo especialmente tratando do assunto Como criar um plano de estudos para o Concurso do Banco do Brasil.

Dica # 2: Priorize as matérias

Saber o tempo adequado de estudo para cada matéria é parte essencial do planejamento do de todo concurseiro que realmente quer passar no concurso do Banco do Brasil. Priorizar as matérias, ou seja, dar um peso e tempo específico para cada, é uma boa maneira de garantir que você gasta a quantidade adequada. Dedique mais tempo estudando assuntos que são novosou aqueles em que você tem dificuldade de aprender. Além disso, lembre-se de estudar os assuntos mais difíceis nas primeiras horas de estudo para enfrentá-los com uma mente mais fresca. Você deve organizar seus estudos tendo em mente três situações: o peso da matéria no concurso, seu conhecimento da matéria e seu desempenho nos exercícios. Conforme seu conhecimento vai se aprofundando, você deverá substituir as horas de estudo por horas de revisão, e finalmente, pouco antes da prova, focar mais na revisão e exercícios.

Dica # 3: Prepare-se para a tentação

A melhor maneira de vencer a tentação de colocar atividades pessoais no lugar dos estudos é antecipar essas distrações. Estudar para concursos é quase como um trabalho de tempo integral, ou um segundo trabalho, como é para muitos. Então, da mesma forma que você não terá a “cara de pau” de pedir a seu chefe para sair e tomar uma cervejinha no horário de serviço, você não deverá trocar o horário de estudos pelas “tentações”. Encarar o concurso como um compromisso é essencial. Você vai, inevitavelmente, “cair em tentação” em algum momento, mas não desanime. Em vez disso, aprenda com seus erros, e procure padrões de deslize para antecipar situações futuras. Ao conhecer suas fraquezas, você estará melhor preparado para resistir à tentação. Além disso, você deve estabelecer algum tipo de recompensa depois de muito estudo. Isto lhe dará o impulso extra de energia para realizar o que você precisa. Não esqueça de planejar tempo para passar com amigos e familiares, para alguns, essa é a melhor recompensa. Ou seja, você deve ter um tempo específico para o estudo e um tempo específico para o lazer.

Dica # 4: Encontre um bom local de estudo

Um bom local de estudo é parte essencial do seu preparo. Ter um lugar tranquilo para estudar vai multiplicar suas chances de passar no Concurso do Banco do Brasil. Mas não pense que existe um lugar ideal para todos. Uns preferem estudar em casa mesmo, outros em uma biblioteca ou livraria, há aqueles que arranjam uma casa de campo ou na praia e assim por diante. O local não importa muito, o que importa é o ele ser LIVRE DE DISTRAÇÕES.

Nada adianta seu quarto de estudo ser silencioso se alguém o interromperá a cada 20 minutos, ou uma livraria ser silenciosa e você se distrair lendo revista em quadrinhos ou paquerando o moço/mola do caixa. Tendo em mente que o local ideal é aquele que vai maximizar seu desempenho e minimizar a distrações, cabe a você experimentar e achar um local livre de ruídos e distrações.

Parte da escolha de um espaço de estudo ideal é antecipar potenciais distrações em cada lugar. Cada um tem suas peculiaridades, por exemplo, por incrível que pareça, alguns concurseiros não conseguem estudar sozinhos e se sentem motivados quando existem outros à sua volta, se este é seu caso, o local ideal seria uma biblioteca, ou seja, por mais bizarro que pareça seu lugar ideal de estudo, se essa situação está maximizando seu desempenho e concentração, siga firme com ela. No entanto, não faça auto sabotagem, é pouco provável que seu lugar ideal de estudos seja em frente à televisão ou junto as redes sociais.

Dica # 5: Mantenha-se organizado

A organização é fundamental para evitar o desperdício de tempo valioso de preparo para o concurso. Como todos sabemos, o edital do concurso do Banco do Brasil possuí diversas matérias, então, organizar o material, os blocos de anotações, os flashcards e tudo mais é fundamental para seu preparo. Ao ir para seu lugar de estudo, tenha em mente qual material levar para não desperdiçar tempo e concentração na procura. Caso você seja o tipo de pessoa “mais virtual” e prefira deixar suas anotações no computador, organize seus arquivos e locais de pesquisa. A questão da organização é ainda mais importante para aqueles que dispõe de pouco tempo efetivo para estudo pois cada minuto é precioso.

Resumindo

A quantidade de tempo ideal de estudo para o concurso do Banco do Brasil depende de sua capacidade de concentração sem dispersar, seus horários e tarefas diárias.  Equilibrando a vida pessoal com os estudos é possível sim ter aprovação no concurso do Banco do Brasil.

O Guia do concurso do Banco do Brasil além de dicas de estudo, fez análises do edital da prova do Banco do Brasil 2015, não deixe de conferir.

Temos a certeza que com as dicas que estamos dando vocês obterão excelentes resultados!

Wagner :

View Comments (1843)